12 de out de 2008

Mulher Excêntrica

"Ser excêntrica é estar além de convenções. Ter aprendido que destruir conceitos e recriar outros é responsabilidade de pessoas incomuns. Gosta de algumas coisas extravagantes, geralmente tem olhar de águia, observador. Seu talento brilha porque seus atos vazam. As opiniões se modificam como as estações do ano, porque estão atentas às suas sensações. Sempre em devir, percebendo tudo e conjecturando, A mulher excêntrica, por excelência, aprende na pele, a dor da diferença e cresce em sua própria superação e autonomia. Seu alvo de vida é a própria vida, com seus sabores e dissabores. Ser excêntrica não é algo que se determina ser. Ou é ou não é."
Marisa Speranza

Nenhum comentário: